Segunda-feira, 23 de Maio de 2005

Quem disse que estou sozinho?


 


   Olhei para um lado e para o outro!


Estava sozinho! Não sabia o que fazer, pûs-me a caminhar. Não tinha rumo, nem sabia para onde ia. Não queria estar em lugar algum mas também não queria ficar onde estava!


No meio da contrariedade e da falta de vontade, dou por mim no meio da cidade! As pessoas passam por mim e param, ficam a olhar para mim, até parece que conseguem perceber o vazio que vai em mim, parece que sabem a solidão que vivo!


Tou farto que olhem para mim como se fosse diferente!


Desato a correr e vou ter a meio do nada! Abro os olhos e já não vejo ninguém, estou de novo sozinho, como sempre estive, mas pelo menos ninguém olha para mim!


Sento-me e respiro fundo, sinto um aroma a maresia!


Fico horas ali deitado sobre a areia! Volto a levantar-me. Olho sobre o ombro para trás e vejo a minha sombra e sem razão aparente, reflicto e fico feliz.


 


Afinal, nunca estive sozinho! Dia e noite sou acompanhado por algo que nunca me abandonará e isto porque o Sol jurou nunca deixar-me ausente! Como Ele não me podia acompanhar, encarregou-se de me fazer acompanhar pela minha sombra e nunca, nunca mais estive sozinho por causa do amor do Sol!

publicado por R.M. às 23:35
link do post | favorito
De Mafalda Freire a 24 de Maio de 2005 às 20:48
Percebo pefeitamente aquilo que sentes! Apesar de estar rodeada de pessoas... e apesar todos os dias sentir rancor pelas pessoas.. elas nem passam pela cabeça os sentimentos que nutro neste momento.. não passam pela cabeça porque também estão se maribando se nem com elas mesmas pensam nelas proprias.. quanto mais os outros..


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Para não perder o Blog

. Fim

. (Re)Escrever o Verbo Amar

. Deixo-te escolher...

. Olhar

. Xeque-Mate da vida...

. Noite...

. Sonho

. Anjo das Asas Negras

. Não há fuga

.arquivos

. Agosto 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds