Domingo, 7 de Agosto de 2005

.::Metamorfoses::. (II)

(Uma semana depois)


 


         Foram todos ter com o David para o Norte da Ilha, decidiram passar as férias juntos e assim seria, fosse como fosse.


Haviam chegado à casa onde iriam ficar já pela tardinha, estavam estafados e decidiram descansar um pouco enquanto esperavam pelo David.


O David chega e entra pela casa, vê os amigos deitados no sofá e dá um grande berro para assustá-los. Como era o seu primeiro dia por ali decidiram ir jantar fora. Como já era de esperar sentaram-se aos parezinhos: Ruben com a sua amiga Cátia, David com a Rute; por quem constantemente se babava e o Miguel com a Susana.


O Miguel andava esquisito, parecia um pouco perturbado mas os seus amigos nem tocavam no assunto.


         - Vou à casa de banho, já volto – disse o Miguel.


         - O Miguel anda muito esquisito! – disse eu depois dele sair.


         - Não anda nada, impressão tua – retorquiu a Rute – talvez arranjou alguém ou está apaixonado.


         - Olha ele vem aí, deixemo-nos de “cenas” porque ele não gosta disso – rematou a Susana.


         Passaram grande parte da noite a rir e a reviver os tempos mais antigos, que passaram. Como já se fazia tarde, foram para casa.


         - Bem “people”, amanhã temos que acordar cedo, vamos dar um “giro” por aí, ok!? – alertou o David.


Foram então todos dormir, dei voltas à cama que até perdi a conta. Estava uma noite quente e abafada, fui até à janela do meu quarto e fico ali contemplando o luar. Entretanto fiquei com sede e desci até à cozinha para beber água fresca. Ao lá chegar deparo-me com a Cátia, com um short bastante curto e uma camisola transparente, tudo muito provocador.


- Olá, por aqui!? – disse eu, admirado!


- Sim não conseguia dormir, vim então beber água!


- Pois eu também não conseguia dormir! Está muito calor…


Cátia dirigiu-se até ao armário, ficando de costas para mim, vê-la ali como estava deu-me a volta à cabeça, apetecia-me agarra-la e possuí-la ali. Pronto não resisti, fui ao encontro dela e toquei-lhe nos ombros, era tarde de mais para voltar atrás, envolvi-a em meus braços e voltei-a para mim, tomo-a com um beijo de rompante, a nossa troca de fluidos era intensa, ela começa a tirar-me a camisola e as suas mãos percorrem-me o corpo, a minha libido começa a aumentar e com ela a vontade de concretização do acto aumenta também. Já, completamente, nus, deito-a sobre a mesa e muito suavemente há à concretização do que já esperávamos a algum tempo, ela suspira de prazer e agarra-me nos braços com força, como que suplicado por mais. Foram momentos quentes que foram quebrados pelo nosso gélido até manhã indo dormir cada um para o seu quarto, tivemos sorte em não sermos apanhados.


         Chegou a manhã e todos acordamos como combinado mas a Cátia estava diferente, fiquei sem perceber o porquê.


 (…)

publicado por R.M. às 23:43
link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De Kita a 11 de Agosto de 2005 às 11:43
Depois de uma noite como essa deve ter sido, acho que qualquer uma ficava diferente... isso depende muito da personalidade da Cátia, mas talvez ainda estivesse a pensar no que tinha acontecido na noite anterior... grande aventura, e se fossem apanhados? ui... lol Beijinhos.


De maggie a 8 de Agosto de 2005 às 20:37
Oh amigo que calor nessa cozinha... estou a ficar curiosa com esta história.. tu e as tuas ideias "maloucas".. adorei está fantástico. Um beijão.


De Bite For Delight a 8 de Agosto de 2005 às 18:31
Grande aventura..volta sempre bjx


De Ventoso a 8 de Agosto de 2005 às 12:14
É sempre com gosto que visito o teu blog, os teus escritos, onde alguma reflexão toma lugar de um modo especial. O teu blog já faz parte das minhas visitas. És uma pessoa muito sensível. Força e nunca desistas do que gostas. Um abraço.


De Miss-Devil a 8 de Agosto de 2005 às 00:01
oi migo!
haha tinhas k parar de escrever logo na parte k a menina catia fika diferente, assim fiko curiosa... lol
isto de dar sede durante a noite tem mt k se lhe diga
lol
jokas


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Para não perder o Blog

. Fim

. (Re)Escrever o Verbo Amar

. Deixo-te escolher...

. Olhar

. Xeque-Mate da vida...

. Noite...

. Sonho

. Anjo das Asas Negras

. Não há fuga

.arquivos

. Agosto 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds