Terça-feira, 9 de Agosto de 2005

.::Metamorfoses::. (III)

         Quando íamos para o carro, puxei-a pelo braço. Tínhamos que conversar, depois da noite de ontem as coisas não podiam ficar assim.


         - Tas parvo? Deixa-me! Vamos embora que eles estão à nossa espera!


         - À nossa espera? Ou à espera que essa tua birra te passe? Que se passa contigo? A noite de ontem pôs-te assim! Não te obriguei a nada.


         - Eu sei! Fiz porque quis mas foi só uma curte!


         - Uma curte??? – passei-me! Não gosto de curtes, o que aconteceu ontem tinha sido por ainda gostar dela, foi um erro termos acabado!


         - Sim, uma curte! Não posso estar mais contigo, já não significas nada! Lamento.


         - Lamento, muito bem! As tuas palavras tocam-me imenso, nem queiras saber…se ontem envolvemo-nos, melhor se ontem me deixei envolver contigo foi porque ainda sinto alguma coisa por ti.


         - Ruben o mesmo não se passa comigo, acabamos e foi mesmo o fim. Eu gosto de outra pessoa, vamos embora que os outros estão à nossa espera.



         Nem acredito no que ouvi, ela não era assim mas pronto, paciência.


 


[ (Cátia) Que burra que sou! Porquê? Porquê é que eu lhe disse isto! Foi melhor assim, gosto de outra pessoa e não posso estar sempre dividida entre os dois. ]


 


         A tarde passou-se! O David finalmente começou-se a fazer à Rute, já não era sem tempo e o Miguel continuava muito pensativo, tinha que falar com ele mas não sei como. Passamos no final da tarde pela praia, e eu bem via o olhar da Cátia para os carinhos que o David fazia à Rute, será que é dele que ela gosta? Não pode ser! Eles não se suportavam, andavam sempre a discutir por terem ideias completamente opostas. Ou será que o parvo aqui sou eu?


 


         Não me precipitei, fomos para casa e enquanto preparava o jantar procurei-a pela casa toda, precisava de falar com ela. Havia coisas por esclarecer…


Encontrei-a no jardim.


         - Posso?


         - Claro que podes!


         - Desculpa, sei que já tratamos deste assunto mas hoje pela tarde reparei no modo como olhavas para o David, esse teu olhar…


         - Que queres dizer com isso agora controlas-me!?


         - Não, simplesmente quero esquecer-te como hoje ficou bem assente, entre nós, e para isso quero que me respondas com toda a sinceridade, como sempre fizeste, é do David que gostas?


         O nosso diálogo ficou congelado! A Cátia procurava no meu intimo a resposta para me dar, talvez uma resposta que ela nem sabia ainda, eu aguardava impacientemente, até que ela agarrou-me na mão…


(…)

publicado por R.M. às 13:15
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De Laura B. Martins a 7 de Setembro de 2005 às 21:42
Agradecida pela sua visita ao meu «Blog Religioso/Filosófico».
Tabém achei interessante o seu blog.
Se quiser ter a bondade de dar uma olhadela pelos meus 14 blogs, especialmente pelos dos animais, encontra-os todos na coluna da esq., em cada um deles, pois estão interligados.
Achará, com certeza, assuntos de seu interesse, já que são variadíssimos.
Os meus cumprimentos
Poetisa Laura B. Martins


De Jesse a 11 de Agosto de 2005 às 23:24
A historia esta boa!! muito bem , estas de parabens =)


De Teresa a 11 de Agosto de 2005 às 18:14
oix, axo q devias participar no: http://mysticalcandy.blogs.sapo.pt/
na categoria dark, prk o teu blog ta mt bm e tem possibilidades :)


De Kita a 11 de Agosto de 2005 às 11:50
Essa rapariga não merece nada do que lhe dedicas... muito menos o amor. É muito cruel usar as pessoas quando não as amamos e sabemos que somos amados... quem dá uma resposta destas assim, de forma tão fria e cruel não merece sequer ser amada...


De maggie a 10 de Agosto de 2005 às 22:08
Eu cá não sei mas, parece-me que a rapariga está baralhada das ideias ou será simplesmente tola... ngm se entrega daquela maneira e dps chama-lhe uma "curte"... será que ela tem medo de ser rejeitada? Pelo que li não me parece que vá ser mas, nestas coisas de amor nunca se sabe. Medo ou não se ela gosta do rapaz devia dizer! Bom eu não vou perder o próximo episódio. Beijão migão.


De madalena a 10 de Agosto de 2005 às 17:04
És um contador de historias e consegues prender-nos as tuas palavras... Mas fica a duvida se é realidade ou não... Fico a espera de mais... Beijos


De Perfect Woman a 10 de Agosto de 2005 às 13:41
Aí, Aí, Aí... Mas que isto... "Curtes" mas isto agora não existe lugar para o respeito dos sentimentos com que nos envolvemos... Olha Kido, manda-a para p.. q... a p... Não é merecedora de nada essa aí. Beijos fofos para ti. (ficçao ou realidade, é iso que eu penso ;-))


De francisco a 9 de Agosto de 2005 às 23:46
Oi, olha curti bue o teu blog ta mt fx a serio e já agora vou te dar a noticia de k abriu uma nova template shop á uns mesitos e lá podes encontrar varios templates únicos feitos por nós, exclusivos para toda a comunidade blogueira tb podes encomendar um template (GRATIS) que tenha mais a ver ctg ou mm um blinkie, um gif, montes de coisas para decorar o teu blog ok??ixto td podes ver em http://templatesbygt.blogs.sapo.pt .Fika bem... PS: se puderes e se kizeres ajudar a ekipe da template podias fazer alguma publicidade a nossa template shop para que tds tenham o conhecimento que há sitios mt bons ond podem encontrar uma coisinha ou outra para ajudar a mimar o seu blog ok?? contamos cm a tua ajuda obrigada.


De kiki a 9 de Agosto de 2005 às 23:00
oi anjinho!essa história é verídica?ou é apenas uma linda mas trágica história de amor que tiraste da tua imaginação?agora não sossego enquanto não ler se ele fica ou não com ela.algo me diz que não pois ela já tinha que não.não sei,fica o suspense no ar.xau,jinhos***


De Margarida & Gonalo a 9 de Agosto de 2005 às 20:25
Olá!!
Gostei do que aqui escreveste, embora não seja uma situação mt agradavel, mas faz-nos transpor essa realidade para os dias que correm.
Infelizmente acontece com imensa gente esse cenário, em que uma das partes ainda gosta e a outra embora ja sem sentir entrega-se mais uma vez dando esperança a quem ainda ama...é triste que isto aconteça. Ela foi super incorrecta pois aproveitou sem pensar que poderia estar a ferir um coração...
Fica um abraço e um beijinho para ti


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Para não perder o Blog

. Fim

. (Re)Escrever o Verbo Amar

. Deixo-te escolher...

. Olhar

. Xeque-Mate da vida...

. Noite...

. Sonho

. Anjo das Asas Negras

. Não há fuga

.arquivos

. Agosto 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds