Sexta-feira, 14 de Outubro de 2005

Rosa Brava...


         Sempre pensei que nasci na forma de uma Rosa mas hoje sei que não, hoje entendo o porquê de ser diferente.


         A única coisa que me faz parecer ser uma ainda, é o facto ter espinhos. Espinhos que cresceram, um a um, após cada desilusão, após cada “amor” perdido, após cada sofrimento. Espinhos estes que insistiram em magoar algumas pessoas, muitas que gostavam de mim.


         Mas, só hoje…Só hoje percebi que os espinhos têm que ser tratados com algum cuidado, senão entram na pele e de um golpe profundo brota sangue em forma de dor. Na verdade, acho que nunca deveria ter tocado em alguém, acabaria sempre por o magoar, afastava-se de mim e em breve um novo espinho surgiria, para se crivar de novo, na próxima vez.


         Tarde ou não, apercebi-me disso e afastei-me.


E, em forma de arrependimento, insisto e persisto em tentar inverter o mal que fiz e trago os espinhos de novo para dentro de mim, espeto sem qualquer piedade, no sentido inverso ao que saíram. Esvaio-me em sangue, dor e sofrimento. Fico com feridas para todo o sempre mas que ainda continuam vivas, porque ao passar a mão sobre elas sinto-as a doer…


 


         Hoje sou uma Rosa…uma Rosa Brava, sem espinhos.

publicado por R.M. às 14:54
link do post | comentar | favorito
|
39 comentários:
De tuxa a 12 de Novembro de 2005 às 22:49
entrei aqui e sabia de onde vinha mas depois que comecei a ler seu blog esqueci completamente de onde vinha,por isso nem sei dizer como cheguei ao seu cantinho,fiquei maravilhada com seus textos,todos eles de incrivél beleza e profundidade...limito-me só a dizer-lhe em relação a este ultimo que escreveu;porque em vez de falarmos que as rosas tem espinhos,porque não pensarmos que olhando com os olhos do coração podiamos ver que são os espinhos que tem rosas?
bj em sue coração e um lindo final de semana e mais uma vez parabens por tudo que me deu a ler...vou linkar vc em meu cantinho tá?


De Malae a 18 de Outubro de 2005 às 00:21
Não faças isso! Deixa as tuas pétalas mostrarem a sua beleza ao mundo! Os espinhos cairão! Obrigada pela vista! Voltarei meis vezes visitar um cantinho abençoado pelos anjos! Malae************


De digoeu a 17 de Outubro de 2005 às 22:17
Em que abstractos abismos estamos perdidos e sozinhos?!


De Slayra a 17 de Outubro de 2005 às 21:58
que é que eu posso dizer para além de...LINDO? 1001 beijitos.


De Black_Vampire a 17 de Outubro de 2005 às 12:53
Anjo todos nós erramos mas de louvar é saber admitir os nossos erros por mais tarde k seja, por isso nunca te arrependas de nada do k fizeste, tenta antes n voltar a cometer o msm erro.
Beijos vampirescos


De maggie a 17 de Outubro de 2005 às 11:19
Tarde ou não, viste o teu "erro" e concerteza não voltarás a cometê-lo. Um beijão migo.


De Ana Luar a 17 de Outubro de 2005 às 10:40
Anjinho e uma rosa deixa de ser bela ou de cheirar bem só pk tem espinhos?????Nãooooo...por isso ate nas coisas mais belas nos podemos ferir...mas nem por isso deixará de ser belo e muito menos devemos ficar com medo de apreciar uma rosa só pk uma delas nos picou...a vida é cheia de espinhos o temos que ser delicados na nossa caminhada e tocar na vida como tocamos no pé de uma rosa.beijos e adorei este teu post está fabulástico....


De Carlos a 17 de Outubro de 2005 às 08:57
Improviso para uma rosa:

a flor do tempo é o teu perfume
tem a cor da lua e o teu nome

a flor do tempo efeita o acaso
dá beleza ao que será verso

a flor do tempo eu te trago
envolta em núvens de água

ou será apenas a chuva
na tarde em que te encontro
e o mundo se torna palavra
para que eu te diga o vento

e toque teus cabelos assim
porque suavemente acaricia



De Neith a 17 de Outubro de 2005 às 08:48
Um texto profundo...belo mesmo!! Apesar da dor que espinhos te causaram, continuas uma pessoa de uma sensibilidade tal que as tuas palavras são como uma suave caricia. Beijo enorme :)


De Pozinhos de Perlimpimpins a 16 de Outubro de 2005 às 23:51
Como anjinho que és, só podias ter essa sensibilidade que pões no teu texto, gosto muito de te ler. Beijos Mágicos


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Para não perder o Blog

. Fim

. (Re)Escrever o Verbo Amar

. Deixo-te escolher...

. Olhar

. Xeque-Mate da vida...

. Noite...

. Sonho

. Anjo das Asas Negras

. Não há fuga

.arquivos

. Agosto 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds