Sábado, 25 de Junho de 2005

Meu amor...


 


  


   Acordo pela manhã, viro-me para o lado e vejo um anjo a meu lado! Toco-te na cara e sinto a tua fina e delicada pele.


Levanto-me, devagar para não interromper o teu sono. Olho de novo para ti e só me apetece voltar para a cama e tomar-te nos meus braços e provar dos teus lábios, o doce nectar do nosso amor!


   Vou à cozinha e preparo o nosso pequeno-almoço!  De volta ao quarto, dou-te um beijo de mansinho. Abres um olho e depois o outro e dás-me um sorriso tão lindo, que me faz ficar ainda mais apaixonado.


Quero ser Feliz a teu lado, para sempre, sabes!?


   Saímos, vamos para perto do lugar onde tudo começou, o mar!


É engraçado, ver as pessoas a olhar-nos, as pessoas sentem que estamos apaixonados e ficam com um ar feliz quando passamos por elas e mais uma vez, tudo por tua causa!


   Passamos o resto da tarde bem juntinhos a ver o mar e escrevemos na areia o quando gostamos um do outro, algo que por mais, que o mar suba, nunca poderá apagar!


 


Amo-te


 

publicado por R.M. às 22:29
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
|
Sexta-feira, 17 de Junho de 2005

Não vás agora...



  


   Só hoje percebi que quase deitava a felicidade a voar e iria ficar sem nada, daquilo que mais amo, neste momento....


   Agora não me deixes, pelo menos não agora! Acho que ainda estamos a tempo de voltar a tentar. Voltar a tentar!!? Nunca conseguimos acabar com este sentimento que nos preenche, na realidade nunca terminamos!


    Desculpa tudo o que te fiz sofrer, eu apenas quero acredites que se eu pudesse fazer com que soubesses que eu desistia de tudo o que fosse meu, só para poder partilhar todos os momentos da minha vida contigo, não há mesmo nada que eu não fizesse! Faria o maior sacrifício só para voltar a ter o teu coração mas isto só pode acontecer se vivêssemos duas vezes, isto porque temos que esquecer o que faz parte do passado simplesmente ter em mente que nos amamos.


   Desculpa por favor, se dia-após-dia eu não digo que TE AMO, vou-me lembrar que num novo dia, num novo despertar, num novo acordar tenho que lembrar-te deste facto que é o amor que sinto por ti!


   Ninguém disse-me que não podíamos dar-nos mais uma oportunidade, uma oportunidade para sermos felizes, se nos amamos para quê sofrermos com esta distância, que impusemos a nós próprios!? Soubesse eu que o tempo passava tão rápido, tinha-o mandado parar para nunca termos que dizer adeus, um ao outro!!!


   Vamos tentar viver tudo mais uma vez? Mas desta vez sem o que nos aconteceu de mal, vamos esquecer os nossos maus momentos, porque estou ansioso por me poder encontrar contigo e poder dar-te um beijo ardente em que possas sentir o bater do meu coração, que só bate de um jeito diferente e desalinhado por ti!


 


Amo-te e isso sei, viva nesta vida ou na outra!


publicado por R.M. às 00:06
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
Domingo, 12 de Junho de 2005

Voltas!?


 


   Estou à tua espera no aeroporto e nada, não apareces. Das inumeras vezes que aquela porta se abriu não vi rasto de ti. Sento-me numa cadeira e vejo as horas a passar e tu sem chegar. Será que alguma vez ponderas-te estar comigo!?


Fartei-me de esperar... fui ter ao carro e rumei sem destino.
   Uma vez mais, fui ter perto do mar, a tristeza era um sentimento que me invadia e consumia, estava angustiado.


 


Uma vez mais estive à tua espera e não apareceste!!! Até quando insistirei em acreditar em ti com este amor que me cega?


   Duas lágrimas percorrem-me a face e terminando nos meus lábios. Olho para o Sol e vejo como ele é feliz lá no alto mesmo sendo sozinho, porque não posso ser também.


 


De um momento para o outro sinto uma mão pousar-me no ombro e uma voz que provocam um arrepio em mim: - Pensavas que eu já não voltava?


Era a pessoa que eu tanto ansiava a sua chegada, fiquei imóvel!!!


Selamos os nosso amor com um grande beijo, quente, ardente e cheio de paixão. Depois ficamos a comtemplar o pôr do sol, bem agarradinhos um no outro!

publicado por R.M. às 01:42
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
|
Segunda-feira, 6 de Junho de 2005

Preso à vida...


 


   Sinto-me preso à vida, sinto uma voz que chama por mim! Volto as costas a esse  grito que apela por mim! Não sei porque contrario a força que o meu corpo exerce em mim, quero ir em direcção à voz mas não consigo, não quero...


   Sinto que vou na direcção errada mas não quero voltar a sofrer! Afinal de contas tenho que ouvir a voz do meu ser!


Quanto mais caminho na direcção contrária ao grito mais perto ouço!


Porquê!??? Porque é que não me deixas!? Deixa-me ser Livre, fazer pelo menos uma vez algo que diga que foi feito por mim!


Começo a correr, e ouço a voz cada vez mais perto e mais perto e ofegante...


   Chego ao fim da estrada e para o lado de lá, não existe mais nada para além do escuro, do vazio...


A voz continua a aproximar-se, fecho os olhos e atiro-me mas sinto alguém agarrar-me na mão!


Puxa-me para cima, quando coloco os pés em terra firme, não lhe vejo a cara, sinto simplesmente os seus lábios tocarem nos meus...


Sinto um quente e suave beijo, nos meus lábios! Logo depois volta-me as costas e nada mais vejo do que um capuz escuro...


 


Estou preso à vida!

publicado por R.M. às 12:58
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
|
Sábado, 4 de Junho de 2005

Mais um desafio que me lançaram...

 


 


    Ok, fui apanhado pela Confissões de uma Jovem Surda</a>, por este questionário, aqui vai:



Tamanho total dos arquivos de música do meu computador?
9,26 GB, sempre que vai aparecendo uma músiquinha nova vou tirando, adoro música!!!

Último disco que comprei:
Não me recordo, na verdade nunca mais comprei Discos :|



Canção que estou a escutar neste momento:
Neste momento não estou a escutar nenhuma música mas a única que me percebe o pensamento, a toda a hora é: Mario - Let me love you


 


5 Músicas que escuto um montão de vezes ou que têem um significado especial para mim:


Mario - Let me Love You (é e será especial para mim)


Cantor não digo - Saudade, Saudade! (Não tem palavras, é mágica)


The Fingertips - Picture of my own (Lindíssima)


Rita Guerra - I Thought You Would Leave Your Heart With Me (Sem Palavras)


Adriana Calcanhoto - Fico assim sem voçe (é Como eu fico sem aqueles que mais gosto)



Agora é a parte de lançar o desafio a 5 pessoas que são:



 



:: Desabafos de MissDevil</a>


:: Blog da Maggie</a>


:: Paper Flower Garden</a>


:: Andrey World


:: Navegador</a>


 


 


Obrigado pelo Desafio Mafalda! :)

publicado por R.M. às 23:39
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Quarta-feira, 1 de Junho de 2005

Mudar de página...



   Quero mudar a página da minha vida mas não consigo, sinto que ainda muito falta por escrever mas...
...mas a nossa história ficou por aqui! É triste, não tenho forças para voltar a escrever! Mas não posso parar, a história da minha vida tem que continuar a todo o custo...


   Por entre dor e sofrimento o meu coração encontrasse tão pequeno e fechado, quero respirar e não consigo! Estou na sala de aula, levanto-me a peço para sair! Vou ter ao jardim, deixo o meu corpo cair prostrado no chão fico horas ali sentado, pensando no nada sobre não sei o quê... melhor dizendo não pensei em nada!


Nada, nada e mais nada! Não consigo pensar em mais nada do que no momento em que deixei de escrever.


Abro o Livro da minha Vida, e começo a ler as últimas linhas da minha escrita... começo a chorar! São palavras que gostaria de voltar a viver e a senti-las! As minhas lágrimas caem sobre o livro e acabam por borrar toda a minha história dos últimos meses, agora mais ninguém poderá saber o que se passou comigo nos últimos tempo...


Era bom que dor que tenho cá dentro desaparecesse também! Mas não, ela continua dentro de mim e vai sempre onde eu for...

publicado por R.M. às 12:33
link do post | comentar | ver comentários (28) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Para não perder o Blog

. Fim

. (Re)Escrever o Verbo Amar

. Deixo-te escolher...

. Olhar

. Xeque-Mate da vida...

. Noite...

. Sonho

. Anjo das Asas Negras

. Não há fuga

.arquivos

. Agosto 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds