Quinta-feira, 17 de Março de 2005

Saudade, Saudade...

   Quantas vezes os nossos olhares se cruzaram, e neles quantas vezes dissemos que nos amavamos!?


Eu sempre temi esta nossa separação. Ai! Que saudades tenho de poder sentir a tua mão encostar na minha, sentir o doce sabor dos teus lábios carnudos, sentir o calor dos teus abraços que tanto me aqueciam numa tarde de inverno... mas tudo isto, não passa de uma mera e simples recordação.


Será que boa ou má!? Queria era voltar a estar a viver esses momentos. Porque é que os momentos contigo não se tornaram eternos...


Saudade...Saudade, quero tornar o ausente presente!


Saudade...Saudade, nostalgia que o destino provou!


Sabes, ainda hoje sei de cor cada lugar teu, cada parte do teu corpo, o teu doce perfume a rosas, o teu aroma natural, a tua simplicidade, a tua beleza interior! Será que te lembras de mim!? Será que fui apenas mais um!?


Eu quero saber que raio de vida é esta, que faz questão que as pessoas sofram ao serem afastadas das pessoas que amam!?


Foste tu que me ensinaste o verdadeiro significado da palavra amor e só contigo ela faz sentido...


Será que podemos voltar a voar juntos!?

publicado por R.M. às 22:51
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Jannett a 19 de Março de 2005 às 15:25
Oie**
Apenas duas palavras «muito fixe»
Bjs


De || sar!nha || a 19 de Março de 2005 às 10:56
Oi, escreves mt bem,adorei mm ler os teus posts..A saudd é a solidao acmpanhada, é knd o amor não foi mas o amado já...**kiss


De Patrcia a 19 de Março de 2005 às 10:55
Já agora, a música de fundo é a minha música perferida, boa escolha...é linda! **


De Patrcia a 19 de Março de 2005 às 10:54
Muito obrigado pela visita! És sempre bem vindo!
Pois é, a vida prega-nos partidas "engraçadas".
"Porque é que a vida nos fascina, tantas vezes nos domina, acreditar que no amor, não se sente dor"...pura verdade. Beijinhos e até breve! (se soubesse adicionar os favoritos, estarias lá)


De miss devil a 19 de Março de 2005 às 10:46
oi migo!
a vida nem sempre é facil, nem sempre o k axamos melhor para nós o é... tens de decidir o k ira ser tua vida, a espera eterna ñ mata as saudades de ninguem...


De eca a 19 de Março de 2005 às 00:36
Lindo, gostei... Tens uma boa escrita, gostei mesmo... levei o teu link.
Abraços


De Miriam a 18 de Março de 2005 às 23:44
Participa no meu concurso"honey blog" em http://miriamconcursos.blogs.sapo.pt e ganha um template personalizado!


De Luntica a 18 de Março de 2005 às 23:35
Olá, obg pleo link e por teres passado por o meu blog.
Amar tem destas coisas, é bom é mau.
mas aprendemos sempre mais e crescemos com as desilusões. digo-te eu :)
mas com certeza que o amor há-de voltar da mesma forma ou com outra pessoa.
bj
grd
lunática


De andrye a 18 de Março de 2005 às 11:44
Bonito poema..a saudade p vezes é cruel mas depois é tao bom quando a matamos.. :) beijokas grandes e bom fim de semana.


De Navegador a 18 de Março de 2005 às 00:29
Agradeço a visita, e o link, retribui no meu! Saudade... o tempo dirá a melhor opção.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Para não perder o Blog

. Fim

. (Re)Escrever o Verbo Amar

. Deixo-te escolher...

. Olhar

. Xeque-Mate da vida...

. Noite...

. Sonho

. Anjo das Asas Negras

. Não há fuga

.arquivos

. Agosto 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds